Servidores públicos protestam em frente ao Banco Central em Brasília

Por Redação em 18/01/2022 às 11:42:13

Funcionários pedem reajuste de 26,3%, índice retroativo aos anos de 2019 a 2021, além da reestruturação da carreira.


Servidores públicos fazem uma manifestação, nesta terça-feira (18), para pedir a reestruturação de carreira e reajuste salarial. Os manifestantes protestam em frente ao edifício-sede do Banco Central, no Setor Bancário Sul, em Brasília.

O presidente do Sindicato Nacional dos Funcionários do Banco Central, Fábio Faiad, informou que a categoria busca reajuste de 26,3%. De acordo com ele, o índice é retroativo aos anos de 2019 a 2021 – período de governo do presidente Jair Bolsonaro (sem partido) – e também considera a estimativa para a inflação para 2022, de acordo com o mercado financeiro.

Os manifestantes carregam faixas sobre o "congelamento salarial" e pedem respeito ao serviço público. Outras categorias, como servidores de agências reguladoras, também participam do protesto. O ato faz parte de um pacote de reivindicações que reúne servidores federais.

Fonte: G1

Comunicar erro
Agro Noticia 728x90