Biblioteca Nacional de Brasília reabre ao público com reserva de livros e de espaços pela internet

Por Redação em 27/09/2021 às 12:13:30

Local estava fechado desde março de 2020, por causa das medidas de prevenção contra Covid-19. Biblioteca também ganhou acervo de 'audioteca', com 100 obras gravadas em áudio. Biblioteca Nacional de Brasília reabre nesta segunda

Mary Leal/Agência Brasília

A Biblioteca Nacional de Brasília (BNB) reabre ao público nesta segunda-feira (27), após ficar fechada por um ano e meio devido às medidas de prevenção contra o novo coronavírus. Para a reabertura, o espaço adotou uma série de regras, como agendamento para pegar livros emprestados e para usar as estações de leitura (veja detalhes abaixo).

Outra novidade dessa volta é a inauguração de um espaço dedicado à inclusão de pessoas com deficiência visual (saiba mais abaixo). O local conta com audiolivros.

O uso de máscara é obrigatório, e os usuários deverão respeitar o distanciamento social. Também será exigida a aferição da temperatura na entrada. A biblioteca fica aberta de segunda a sexta-feira, das 9h às 19h. Aos sábados e domingos, o espaço funciona das 8h30 às 13h30.

LEIA TAMBÉM

Após ficarem três meses fechados pela pandemia: museus públicos do DF reabriram em maio

Covid: 5 meios de evitar infecção por coronavírus em ambientes fechados

Empréstimo de livro

A biblioteca realiza o empréstimo de livros por meio de agendamento online desde maio de 2021. Para consultar o acervo, basta acessar o site da BNB.

Quem quiser pegar uma obra emprestada, precisa enviar o pedido para o e-mail: [email protected] Será possível ficar com o livro por até 30 dias.

Empréstimo de livro será agendado pela internet

Giphy

O acesso ao acervo será restrito aos funcionários, para evitar contaminação. Já os livros devolvidos passarão por "quarentena", de 10 dias, antes de retornar às estantes.

Mesmo com a reabertura, o clube do livro segue sendo realizado pela internet. O encontro ocorre uma vez por mês. A obra, a data do encontro e o link de acesso a sala de discussão são divulgados nas redes sociais.

Espaços da Biblioteca

Para evitar a propagação da Covid-19, as mesas e as estações de estudo do 2º e do 3º andar do prédio poderão ser ocupadas mediante reserva de horário pela internet. Segundo a direção, são, em média, 387 vagas diárias disponíveis, sendo 194 reservadas por meio de agendamento. O espaço infantil permanece fechado.

Já as salas de estudo em grupos e os espaços CLIC, GEEK e ZEN estão abertos. Para acessar, basta procurar a equipe de atendimento nos balcões. Os locais terão capacidade de público reduzida.

Outra novidade da BNB é a inauguração de um espaço onde os usuários podem "ouvir as histórias dos livros". O local ganhou o nome de "audioteca" e tem mais de 100 obras gravadas em áudio. O acervo foi doado Fundação Dorina Nowill e conta com obras de autores como:

Manuel de Barros

Pedro Bandeira

Paulo Freire

Agatha Christie

Augusto Cury

Stephen King

José Saramago

Veja o que fazer em Brasília no g1 DF.

Fonte: G1/DF

Comunicar erro
Agro Noticia 728x90