Rio de Janeiro inicia contatos para sediar Mundial de Clubes 2021

Por Redação em 16/09/2021 às 22:10:11

Sem sede definida desde a desistência do Japão, a edição de 2021 do Mundial de Clubes pode acabar no Rio de Janeiro. O secretário da Fazenda e Planejamento da cidade, Pedro Paulo (DEM) afirmou que já discute a possibilidade com a Fifa e a CBF durante participação em programa da rádio Bandnews. Além do Rio, a África do Sul já havia demonstrado interesse em sediar a competição anteriormente após a nação asiática desistir por conta da pandemia de coronavírus.

“A gente acredita que a volta do público com os protocolos sendo seguidos, como o próprio secretário de saúde Daniel Soranz acompanhou, com responsabilidade, é possível voltar de forma ordeira. Não tenho dúvidas de que a estratégia estabelecida pelo prefeito Eduardo Paes e pela Prefeitura é de retorno responsável não só do Maracanã, como do Engenhão também. E o Rio de Janeiro (fica) aberto para trazer novos eventos esportivos para a cidade. Estamos iniciando as discussões para que a final do Mundial de Clubes possa ser no Rio, à medida que Tóquio abriu mão. Estamos nos movimentando junto ao Flamengo (administrador do Maracanã), à CBF, e também junto à Fifa para que a cidade possa concorrer a sediar a final”, afirmou Pedro Paulo.

Seria a segunda vez que o Rio sediaria a competição: em 2000, o Maracanã recebeu um grupo e sediou a final do torneio, vencida pelo Corinthians nos pênaltis contra o Vasco. Nesta quarta-feira, o Rio voltou a ter um jogo com público, o terceiro desde o início da pandemia de Covid-19 – após as finais da Libertadores em janeiro e da Copa América em julho, o Maracanã recebeu 6.446 torcedores para o jogo da volta entre Flamengo e Grêmio pelas quartas-de-final da Copa do Brasil.

Fonte: JP

Comunicar erro
Agro Noticia 728x90