Programação cultural no DF, neste fim de semana, tem lives, exposições e oficinas para crianças

Por Redação em 16/04/2021 às 07:21:46

Com agravamento da pandemia do novo coronavírus, encontros pela internet retomam força; shows online vão do samba ao rock. Veja o que fazer em Brasília entre sexta (16) e domingo (18). Integrantes da Rock Beats, de Brasília, que faz live nesta sexta-feira (16)

Henrique Franc?ois

A agenda cultural deste fim de semana conta com opções de programa para todos os gostos e idades. Entre sexta-feira (16) e domingo (18), é possível participar de oficinas com as crianças, acompanhar festivais, lives, palestras e ainda dar boas risadas com o programa "Quadrim 61", que vai ao ar na TV Globo, em comemoração ao aniversário de 61 anos de Brasília. Veja o que fazer no Distrito Federal.

Música ao vivo

Para dar uma animada na noite de sexta-feira, a banda Rock Beats faz uma live no YouTube, às 20h. O grupo vai apresentar um repertório de músicas das bandas que fizeram – e ainda fazem – sucesso em Brasília, entre elas, Legião Urbana, Paralamas do Sucesso e Capital Inicial.

Livro reúne fotos dos bastidores de bandas brasilienses como Legião Urbana e Capital Inicial

Lives de volta? Após período de baixa, busca por transmissões musicais volta a subir

Já no sábado, a partir das 16h, tem live do Festival Samba da Guariba. A transmissão ao vivo, nas redes sociais, tem artistas como Ana Cardoso e Juninho Thybau, entre outros.

Para as crianças

Para os pequenos, uma opção é a oficina do #AteliêVirtualCAIXA, que vai ensinar como fazer fantoches de dedo, nesta sexta-feira (16), às 10h. Quem quiser participar deve fazer a inscrição com antecedência, pois só há 15 vagas.

Inscreva-se aqui para a oficina

No encontro virtual, os instrutores vão orientar as crianças para a criação de personagens do folclore brasileiro, entre eles, o Saci, a Cuca e o Curupira. Para participar da oficina, é preciso separar o seguinte material:

Folhas de E.V.A.

Tesoura sem ponta

Cola quente ou de silicone

Canetas hidrográficas

Retalhos de tecido e lã

Pedrarias

Botões

Fantoches de dedos com personagens do folclore brasileiro

Caixa Cultural/ Divulgação

Também nesta sexta, o CCBB Educativo promove uma atividade para os pequenos onde eles poderão explorar o mundo das luzes e das cores. A ideia, segundo os organizadores, é observar se a luz do sol altera o tom das cores que vemos ao longo do dia.

A atividade é aberta e pode ser acessada pela internet ,a partir das 10h.

Perrengues brasilienses

Ator é maquiado para gravação de especial pelos 61 anos de Brasília

Arquivo pessoal

No clima de comemoração, a TV Globo exibe um programa com esquetes de humor em homenagem ao aniversário de 61 anos de Brasília. O especial vai ao ar, para todo o país, logo após o Jornal Hoje, na tarde de sábado (17).

O programa conta com esquetes do projeto "Quadradim" – uma iniciativa criada pelos brasilienses Wesley Santos e Amilton Coelho, em 2020. Os episódios mostram "perrengues" do cotidiano de quem vive em Brasília, como o clima e os endereços em siglas.

Grandes obras

Femme avec Parasol (Mulher com Sombrinha), de Claude Monet; reprodução de obra do Museu d'Orsey, de Paris, exposta no Sesc-DF

Sesc-DF/ Divulgação

Para quem gosta de obras de arte, uma opção é visitar a Mostra Pinturas Impressionistas do Sesc-DF, no Setor Comercial Sul. Com entrada gratuita, a exposição fica em cartaz até 31 de maio e traz seis obras do Museu d'Orsy, de Paris (veja lista abaixo).

"São reproduções fotográficas com o máximo de fidelidade das peças originais, as quais a instituição possui o direito de imagem", explicam os organizadores da mostra. As impressões das pinturas foram feitas em Paris, onde especialistas do museu trabalharam para garantir as cores e a luminosidade das obras originais.

Obras expostas:

Sur la Plage (Na Praia) – Edouard Manet (1832-1883)

Le Moulin de la Galette (O Baile no Moulin de la Galantte) – Auguste Renoir (1841-1919)

DÉTAIL DU Bal du Moulin de la Galette (DETALHE DO Baile Moulin de la Galette) – Auguste Renoir (1841-1919)

Femme avec Parasol (Mulher com Sombrinha) – Claude Monet (1840-1926)

La Montagne Sainte-Victoire (A Montanha Sainte-Victoire) – Paul Cezanne (1839-1906)

Danseuses bleues (Bailarinas de Azul) – Edgar Degas (1834-1917)

Cinema em casa

Termina no domingo (18), o Festival Internacional de Documentários É Tudo Verdade. Nessa reta final, ainda é possível assistir palestras e alguns dos 69 filmes do festival, de graça.

Veja aqui a programação do festival É Tudo Verdade

Cena do documentário "Cora Coralina - Todas as Vidas"

Divulgação

Também para os fãs de documentário, tem exibição, até o dia 18 de abril, de "Cora Coralina – Todas as Vidas", de Renato Barbieri. O filme pode ser assistido nas redes sociais da Biblioteca Demonstrativa do Brasil (BDB).

O longa-metragem conta a história da poeta e contista Cora Coralina, pseudônimo de Anna Lins dos Guimarães Peixoto Bretas.

Já na segunda-feira (19), o canal no YouTube do projeto Curumins recebe o documentário “Curumins”, de Pablo Ravi. O curta-metragem, de 17 minutos, mostra como vive a etnia Kamayura, em Mato Grosso. O filme faz parte das comemorações da Semana do Índio.

Dia Mundial do Lazer

"Como conseguir um tempo de lazer sendo que quase tudo se tornou perigoso?". Para responder essa pergunta, o Sesc-DF promove, entre os dias 16 e 29 de abril, uma série de atividades gratuitas, uma delas acontece nesta sexta-feira (16) – data em que é comemorado o Dia Mundial do Lazer.

Veja aqui a lista completa de atividades do Sesc-DF

O Sesc vai montar, na rodoviária do Plano Piloto, jogos que podem ser praticados individualmente, como amarelinha. Esses espaços para brincar ficam abertos ao público.

Os locais também servirão como "laboratório" para que pesquisadores analisem o comportamento das pessoas que passam pelo ambiente.

VÍDEOS: Saiba tudo sobre entretenimento com o Semana Pop

Semana Pop explica polêmica em torno do novo hit de Lil Nas X

Veja o que fazer em Brasília no G1 DF.

Fonte: G1/DF

Comunicar erro

Comentários

Agro Noticia 728x90