Coronavirus 1456x180

Grupo de Arthur Lira defende eleições na Câmara e no Senado no mesmo dia

Por Redação em 13/01/2021 às 15:57:41

Os aliados do deputado Arthur Lira (PP-AL), candidato à sucessão de Rodrigo Maia (DEM-RJ), defendem que a eleição na Câmara dos Deputados e no Senado Federal ocorra no mesmo dia.

A definição da data da votação se transformou em mais uma disputa no processo eleitoral no Legislativo.

Na semana passada, Rodrigo Maia, atual presidente da Câmara, afirmou ao G1 que, entre os deputados, a eleição será no dia 2. Mas nesta terça disse que, se os membros da mesa entenderem de forma diferente, a votação poderá ser no dia 1º. A decisão será tomada em reunião na próxima semana. No Senado, também não há definição da data.

Os adversários dizem que o objetivo de Maia seria fazer a eleição da Câmara depois da do Senado.

Os aliados de Lira, candidato que conta com o apoio do Palácio do Planalto, alegam que as duas eleições têm de ser no mesmo dia, como sempre ocorreu, para evitar que o resultado de uma disputa acabe influenciando a outra.

"Se a eleição do Senado acontece no dia 1º e a da Câmara no dia seguinte, o resultado da disputa dos senadores pode ser usado para influenciar a nossa", disse um deputado aliado do líder do Progressista.

DEM e MDB disputam apoio de Bolsonaro na sucessão no Senado

Nas disputas deste ano, o MDB tem candidato tanto na Câmara, com Baleia Rossi, como no Senado, com a escolha da senadora Simone Tebet para representar a legenda na eleição. O DEM tem candidato no Senado, com Rodrigo Pacheco (DEM-MG), nome do atual presidente da Casa, Davi Alcolumbre (DEM-AP).

O DEM apoia Baleia Rossi (MDB-SP) na eleição da Câmara, mas a prioridade da cúpula do partido é eleger Rodrigo Pacheco para comandar o Senado.

Outro tema que está gerando disputas dentro da Câmara dos Deputados é a formação dos blocos. O PSL anunciou que apoiará Baleia Rossi, mas uma ala do partido reuniu 32 assinaturas para apoiar Arthur Lira.

A cúpula do PSL agora abriu processo para expulsar 20 destes 32 deputados. Com isso, diz que eles não poderiam ter assinado pedido para apoiar o candidato do Progressista, Arthur Lira.

A questão deve ser debatida na próxima semana, quando deve ser realizada reunião da Mesa Diretora da Câmara para definir essa pendência partidária e também a data da eleição, além do formato da votação.

VÍDEOS: notícias de política

Fonte: G1

InfoJud 728x90

Comentários

Agro Noticia 728x90