São Paulo derrota Talleres, garante primeiro lugar do Grupo B e chega a 100ª vitória na Libertadores

Diante de mais de 55 mil torcedores que lotaram o Morumbi, o São Paulo derrotou o Talleres, da Argentina, por 2 a 0 e garantiu a classificação em primeiro lugar do Grupo B.

Por Redação em 30/05/2024 às 00:40:40

Diante de mais de 55 mil torcedores que lotaram o Morumbi, o São Paulo derrotou o Talleres, da Argentina, por 2 a 0 e garantiu a classificação em primeiro lugar do Grupo B. Esse foi o maior público do Morumbi do ano. Com o resultado, o tricolor acabou com a invencibilidade de 17 jogos do time argentino, que não perdia há três meses, e manteve a sua, já que ainda não perdeu sob o comando de Luis Zubeldía. A vitória do tricolor também marcou a primeira vez que o São Paulo venceu o Talleres e o tricolor chegou a sua centésima vitória na Libertadores. Lucas e Luciano foram os autores dos gols tricolor. Calleri, que estava afastado do time por causa de lesão, voltou a jogar nesta quarta-feira (29).

O São Paulo dominou o primeiro tempo. Ficou mais tempo com a bola e ocupava o campo de defesa do Talleres, mas não criava grandes de gol. A melhor chance do jogo foi do time argentino, que chegou pelos cantos do campo, mas Rafael evitou o gol. O jogo foi movimentado, mas o Talleres sempre que podia tentava segurar o jogo para manter o empate e se garantir na liderança do Grupo B e a classificação em primeiro lugar. Contudo, esse cenário mudou no final do primeiro tempo, quando Rodrigo Nestor foi derrubado dentro da área e o juiz marcou pênalti aos 49 minutos. Lucas foi para cobrança e o goleiro defendeu. Mas, o ídolo tricolor ganhou uma segunda chance porque o goleiro argentino se adiantou. Na segunda batida, o jogador não desperdiçou. Jogou a bola para o fundo do gol e marcou o gol do tricolor.

No final do primeiro tempo o time do Talleres ficou reclamando de um pênalti não marcado pelo juiz após uma pezada de Luciano no jogador do time argentino dentro da área. Na reta final do jogo o São Paulo manteve a intensidade e conseguiu chegar mais a área adversária porque o Talleres corria atrás do resultado e buscava o empate. Chegou algumas vezes, sem nenhum grande lance, mas Rafael estava no gol para evitar qualquer possibilidade. O São Paulo desperdiçava boas oportunidades que criava e não matava o jogo para ficar mais tranquilo na partida.

Após desfalcar a equipe por lesão, Calleri voltou a equipe e reforçou o time na segunda etapa. Para coroar o bom segundo tempo do São Paulo, aos 90 minutos, após receber uma cobrança de lateral, Luciano marcou um golaço de fora da área e fez o segundo do São Paulo. Para alegria dos torcedores e de Zubeldía que não escondeu a felicidade e correu para abraçar o jogador são-paulino. Com o jogo definido para o São Paulo, houve uma confusão envolvendo Igor Vinícius, Navarro e Erick. O árbitro deu cartão vermelho para o jogador do Talleres por uma tapa dado na cara de Erick, do São Paulo.

 

Fonte: JP

Comunicar erro
Agro Noticia 728x90